SOBRE O BOLSA FAMÍLIA

Estava agora mesmo debatendo com um velho amigo, economista como eu, de posições liberais e acabei percebendo como as coisas trocaram de lugar nos últimos 20 anos.Ele, como bom economista liberal é favorável ao Bolsa Família , tipica medida compensatória que todo economista liberal dos anos 80 defenderia sem pestanejar.

É assustador que um programa como este tenha virado “de esquerda”.No Brasil de hoje defender o Bolsa Família é de esquerda e ser contra é de direita.Mostra como regredimos.A esquerda era mais ambiciosa, defendia mudanças estruturais, essas mesmas que o PT sequer tentou fazer,e a direita defendia livre mercado com medidas compensatórias( o Bolsa Família é tipicamente um programa compensatório) para os que ficassem á margem das soluções de mercado.

A capitulação do PT a sequer tentar qualquer mudança estrutural na sociedade brasileira resultou em dois desastres; o primeiro foi a desmoralização da esquerda como alternativa de mudança real de paradigmas; o segundo foi a quase extinção da direita liberal , cujo programa e espaço politico foi assumido pelo PT, substituída por um discurso fundamentalista de mercado e de ódio aos pobres.

Obviamente sou , como toda a pessoa de bem, favorável ao Bolsa Família, mas me revolve o estomago ver que no Brasil de hoje isso virou um simbolo da esquerda.

Pelo andar da carruagem temo que meus filhos tenham que defender no futuro a legitimidade da Lei Áurea

Publicado originalmente em 20 de abril de 2016.